Prefeitura de Manaus e Defensoria Pública promovem mutirão de atendimentos à população em situação de rua

A Prefeitura de Manaus, por meio da Secretaria Municipal da Mulher, Assistência Social e Cidadania (Semasc), realizou, nesta quinta-feira, 28/7, em parceria com a Defensoria Pública do Estado do Amazonas, um mutirão de atendimentos voltados à população em situação de rua.


A ação ocorreu no Centro de Referência Especializado para População em Situação de Rua (Centro POP), localizado no bairro Petrópolis, zona Sul.

“O intuito é garantir, por meio do atendimento intermediado entre várias secretarias e serviços, que a população em situação de rua consiga se inserir no mercado de trabalho e retomar seus projetos de vida. Uma grande iniciativa da Defensoria Pública que não poderíamos deixar de apoiar”, destacou a titular da Semasc, Jane Mara Moraes.

Ofertando serviços de orientação jurídica, emissão de documentação, consultas processuais, inscrição e atualização do Cadastro Único, a ação ainda contou com a presença das Secretarias Municipais de Empreendedorismo e Inovação (Semtepi) e de Saúde (Semsa), realizando encaminhamentos pelo Sistema Nacional de Emprego (Sine), palestras acerca do mercado de trabalho e vacinação, respectivamente.

“Pendências na Justiça, falta de documentação e até mesmo um quadro vacinal desatualizado acabam sendo grandes obstáculos para o encaminhamento dessas pessoas não apenas ao mercado de trabalho, mas a outros serviços ofertados dentro da rede de assistência social da cidade. É por essa razão que não medimos esforços na regularização das pendências”, complementou o gerente do Centro POP, Marcos Coutinho.

De acordo com a defensora pública, Stefanie Sobral, dar visibilidade às pessoas em situação de rua, além de garantir o seu acompanhamento socioassistencial, é essencial para combater o preconceito que parte da sociedade ainda em relação a essa parcela da população.

“É um público, acima de tudo, extremamente fragilizado emocionalmente. É importante que possamos dar a eles a certeza de que são cidadãos e possuem direitos a serem garantidos, uma vez que uma parcela relevante das pessoas ainda os criminaliza e perpetua certos preconceitos”, enfatizou a defensora.

“Finalmente consegui o papel para emitir minha certidão e estou indo buscar agora. Gostei, porque fui muito bem atendido, as pessoas aqui sabem lidar com a gente”, concluiu Fábio da Silva Cordovil, um dos usuários atendidos na ação.

Centro POP

O Centro de Referência Especializado para Pessoas em Situação de Rua (Centro Pop) é parte integrante da Semasc, objetivando servir como referência para pessoas em situação de rua, quer sejam jovens, adultos, idosos e/ou grupos familiares que utilizam as ruas como espaço de moradia e/ou sobrevivência.

O Centro Pop oferece orientação e encaminhamentos a outros serviços socioassistenciais das demais políticas públicas que possam contribuir na construção da autonomia, da inserção social e da proteção às situações de violência. Promove ainda o acesso a espaços de guarda de pertences, de higiene pessoal, de alimentação (café e almoço), proporciona endereço institucional para utilização que serve como referência do usuário para a provisão de documentação civil e encaminhamentos para a rede socioassistencial.

Comentários

Obrigado por comentar aqui.

Postagem Anterior Próxima Postagem