Telemonitoramento de gravidez de alto risco é destaque em fórum promovido pela Prefeitura de Manaus

Os servidores do Distrito de Saúde Norte (Disa Norte) participarão nesta sexta-feira 22/7, do Fórum de Vinculação da Gestante, promovido pela Prefeitura de Manaus, para discutir ações em rede e fortalecer o atendimento à gestante e ao bebê, com o objetivo de reduzir as mortalidades materna, fetal e infantil.


Além dos servidores municipais, o evento contará com a participação de profissionais de saúde da rede estadual e gestores de maternidades da rede privada.

O evento da zona Norte acontecerá pela manhã, no Centro de Convivência da Família Padre Pedro Vignola, na Cidade Nova. Segundo a técnica do Núcleo de Saúde da Mulher da Semsa, Neide Negreiros, o fórum é um espaço muito importante para o diálogo e alinhamento de ações entre a Rede de Atenção Básica e a Rede de Média Complexidade, para melhorar a qualidade da atenção à mulher, ofertando apoio desde o planejamento da gravidez, até o parto e pós-parto.

“Quando a mãe sai da maternidade com o seu bebê, ela é contrarreferenciada, ou seja, ela volta para a atenção básica, para a unidade onde iniciou o acompanhamento da gravidez para continuar seus atendimentos na rede de saúde. Esses fluxos precisam estar bem alinhados e o fórum permite essa articulação com todas as equipes dos profissionais da atenção primária e das maternidades, os gestores das maternidades, da Secretaria de Estado da Saúde e da saúde da mulher, da criança e dos distritos de saúde”, frisou Neide Negreiros.

A programação segue as pautas que foram definidas nos eventos preparatórios realizados no mês de maio, em cada distrito de saúde, dentre os quais estão o telemonitoramento do pré-natal de alto risco, desenvolvido pela Semsa em parceria com a Secretaria de Estado de Saúde (SES-AM).

Outro tema a ser evidenciado é a saúde bucal no pré-natal destacando as boas experiências realizadas no Disa Norte. Neide Negreiros explicou que a sensibilização das mulheres grávidas sobre os impactos das doenças periodontais tem sido bastante reforçada pelos profissionais de saúde.

“Uma doença periodontal pode impactar seriamente a saúde e pode resultar até em morte materna por causa da infecção. Estamos realizando um trabalho intenso de sensibilização sobre a saúde bucal para evitar complicações, mas ainda é comum a grávida ter medo e ’fugir’ do atendimento odontológico. Daí a importância do nosso trabalho de sensibilização para chamar a atenção sobre esse conjunto de cuidados”, frisou.

Fotos - Henrique Souza / Semsa

Comentários

Obrigado por comentar aqui.

Postagem Anterior Próxima Postagem