“Vocês cuidem das pernas, para correr da Polícia Federal, para correr atrás de mim que estou na frente das pesquisas", dispara Amazonino Mendes; confira

Líder absoluto nas pesquisas de intenção de voto para sucessão estadual, o ex-governador por quatro mandatos, Amazonino Mendes (Cidadania), alfinetou seus adversários políticos que insistem em somente falar da sua idade ou condições físicas.


Sobre o tema, o Negão, como é carinhosamente conhecido pelo povo do Amazonas publicou um vídeo nas redes sociais nesta quarta-feira (3), onde aparece sentado e destaca que o mais importante é usar a “cabeça”, não as pernas para governar.

“Eu estou impressionado. Uma eleição para o futuro do estado, coisa seríssima, tanto que nós estamos sofrendo como nunca, até morte já tivemos por desídia, incompetência e incapacidade, desleixo, e a oposição a mim só fala de uma coisa: das minhas pernas. E se esquecem disso aqui”, ressaltou o "Comedor de Jaraqui", apontando para a própria cabeça.

Os desafetos políticos de plantão acompanharam a convenção partidária realizada no último sábado (30) em uma escola de samba na Zona Norte de Manaus. Em um dado momento da sua participação, Amazonino solicitou uma cadeira para sentar enquanto discursava no palanque, bastou esse fato acontecer para ganhar repercussão nas redes sociais.

Nesta quarta-feira, o Negão fez um alerta para quem se preocupa com suas pernas. O postulante ao Palácio do Governo alertou que essas pessoas precisam cuidar das pernas para “correr da Polícia Federal. “Vocês cuidem das pernas, vocês precisam das pernas para correr da Polícia Federal, para correr atrás de mim que estou na frente das pesquisas. Vocês não enganam mais o povo”, disse.

Na opinião de Amazonino, a campanha política deveria ser pautada no campo das propostas para desenvolvimento do Amazonas. “Isso é uma falta de vergonha de vocês. O estado com tanto problema e vocês ficam falando de perna. Está aqui ela. Mas é isso aqui. Já falei mil vezes, isso [apontando pra cabeça] vocês não tem. Isso aqui muito menos [coração]. É com isso que a gente vai governar”, finalizou.

Comentários

Obrigado por comentar aqui.

Postagem Anterior Próxima Postagem